FECHAR
PT / EN
LANCES FINAIS
Tadáskía
Lote 062
duas girafas
Tadáskía
Lote 062
Dê seu lance CADASTRE-SE
Lances iniciais em 27/11
duas girafas, 2021

Lápis de cor sobre papel – Edição única – Assinada – Com moldura –

(2x) 59 x 42 cm (cada)
R$ 4970,00
lance inicial
Confira os lances

Tadáskía (Rio de Janeiro, 1993) vive e trabalha entre Rio de Janeiro e São Paulo. É artista, trans, escritora e graduada em Artes Visuais pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro, mestra em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tadáskía se relaciona com a matéria disponível a partir do encontro, criando ao seu entorno imaginações afrodiaspóricas e uma espiritualidade sincrética. Elabora também experiências visíveis e invisíveis a partir da diáspora preta e dos encontros tanto familiares quanto incomuns. Tadáskía foi indicada ao prêmio PIPA em 2020 e expôs na galeria A Gentil Carioca, no Museu de Arte do Rio, Paço Imperial do Rio de Janeiro e, ao lado de Leonilson, no espaço de arte Auroras, em São Paulo. Foi educadora do Museu de Arte do Rio (2014-2017) e colaborou com o Instituto Maria e João Aleixo em Pesquisa, Educação e Culturas em Periferias (2018-2020). Em 2018 estreou com Diambe da Silva “A poeira não quer sair do Esqueleto” (2017), documentário experimental exibido na Argentina, Brasil, Uruguai, Sibéria, Emirados Árabes e Índia, entre outros lugares. Realizou a exposição em dupla com Leonilson no espaço de arte Auroras (São Paulo, 2020). Mais recentemente, Tadáskía integrou a exposição Hábito/habitante (EAV Parque Lage, 2021), com curadoria de Ulisses Carrilho, e a exposição coletiva Uma história natural das ruínas (Pivô, São Paulo, 2021), com curadoria de Catalina Lozano. 

duas girafas, de 2021, é um trabalho desenvolvido em lápis de cor sobre papel. Os desenhos da artista mobilizam histórias, geografias e as relações materiais e imateriais com o mundo e as coisas. Ela comenta: “As girafas brincam e se confundem, estão divididas e multiplicadas, somem e aparecem flutuando em algum lugar”.