FECHAR
PT / EN
LANCES FINAIS
Denilson Baniwa
Denilson Baniwa
Dê seu lance CADASTRE-SE
Lances iniciais em 18/11
,

Denilson Baniwa (Niterói, 1984) é artista indígena; é indígena e é artista, e seu ser indígena leva-o a inventar uma outra maneira de se fazer arte. Assim, os processos de imaginação e de trabalho são, necessariamente, intervenções em uma dinâmica histórica — a história da colonização dos territórios indígenas que hoje se conhece como Brasil — e interpelações àqueles que o encontram, convidados a abraçar suas responsabilidades.

Em Maracajá, Baniwa rememora, a partir de uma cosmogonia inígena, outros tempos. O artista evoca a história dos Mestres das Onças, um dos mais poderosos seres do cosmos. O artista nos conta: “Antigamente quando os animais eram espíritos, havia o Mestre das Onças, um dos mais poderosos seres do Cosmo. Quando animais e humanos passaram a viver no mesmo mundo e deixaram de se compreender, a onça do Universo foi viver no mundo primordial, junto de outros Seres poderosos. Os pajés mais fortes e muito sábios são chamados de pajé-onça e possuem o poder de se comunicar com o mundo do Mestre das Onças e outros seres. Trago esse ser no intuito de compreender este mundo moderno e compartilhar sabedorias para que se possa viver bem”.

R$ ,00
lance inicial
Confira os lances